CONHEÇA NOSSO BLOG
04Mar
Cão com diarreia: entenda como preceder quando isto ocorre

Cão com diarreia: veja o que fazer para tratar o problema

Compartilhe!

Olá, amigos! Aqui é o papai do Bob. Essa semana meu bichinho sofreu com muita dor de barriga e diarreia. Fiquei muito preocupado com a situação e o levei ao veterinário. Lá, o doutor me orientou sobre o que poderia ter causado o problema e como deveria ser tratado. Além disso, me deu algumas dicas sobre como prevenir o desconforto. Por isso, reuni neste artigo todas as informações necessárias. Confira tudo o que você deve saber sobre cão com diarreia. Fique atento!

Cão com diarreia: quais as possíveis causas?

A diarreia caracteriza-se pelas fezes líquidas que ocorrem várias vezes ao dia. Ela nada mais é do que um sintoma de algum problema de saúde. Sendo assim, pode indicar o surgimento de doenças, reações a medicamentos, má alimentação e até estresse.

Veja as principais causas da diarreia em cães:

  • alimentação: transição alimentar; consumo de alimentos tóxicos, venenosos ou estragados; ingestão de objetos;
  • medicamentos: reações adversas à ingestão de certos medicamentos;
  • vírus, bactérias e parasitas: corpos estranhos e infecções derivadas do seu surgimento;
  • doenças: sintoma de doenças nos rins, fígado e intestino. Também pode indicar câncer;
  • estresse: problemas emocionais das mais variadas vertentes.

Como tratar a diarreia do meu cãozinho?

Agora que você já sabe os principais motivos pelos quais um cão com diarreia passa por essa situação, é hora de resolver o problema! Na sequência, separei as melhores dicas para auxiliar no tratamento da diarreia canina. Anote!

Jejum

Um cão com diarreia precisa parar de comer alimentos sólidos para poder melhorar. Nessa situação, o intestino do seu pet fica irritado e inflamado, sendo necessária uma limpeza do organismo. Caso continue se alimentando normalmente, seu bichinho seguirá evacuando líquidos e poderá se desidratar.

Logo, indica-se que a alimentação seja suspensa por 6 a 8 horas. Depois, o alimento deve ser reintroduzido gradativamente em pequenas porções. Uma boa dica é oferecer arroz e peito de frango (sem pele) cozidos.

Atenção: essa técnica é indicada somente para doguinhos bem saudáveis. Ou seja, é contraindicada para filhotes, cães idosos ou de pequeno porte, por possuírem uma saúde mais frágil.

Hidratação

Um cão com diarreia deve manter-se sempre hidratado, já que ele está perdendo muita água. Portanto, é muito importante que os papais incentivem a ingestão de líquidos para repor as substâncias que estão sendo perdidas.

O recomendado é oferecer água fresca em pequenas quantidades. A hidratação deve ser frequente. Uma boa opção é oferecer água de coco ao seu pet, já que ela é rica em potássio e costuma agradar o paladar dos cãezinhos.

Dicas para evitar a diarreia no seu doguinho

  • Mantenha a carteirinha de vacinação e vermifugação do cão atualizada;
  • ofereça uma alimentação balanceada, com alimentos naturais e sem conservantes;
  • garanta uma hidratação constante, com água limpa e fresca;
  • evite que seu cão entre em contato com fezes de outros animais;
  • leve seu melhor amigo ao veterinário, no mínimo, uma vez por ano.

Garanta uma alimentação balanceada e evite a diarreia canina!

Um dos principais métodos para evitar a diarreia canina é manter uma alimentação natural, sem conservantes e rica em nutrientes. Para isso, você pode contar com a equipe do Chef Bob, especialista em criar cardápios personalizados e nutritivos para cada cãozinho!

Entre em contato conosco e peça já as comidinhas do seu melhor amigo! Caso prefira, fale conosco através do nosso WhatsApp.

Acompanhe o Blog do Bob e leia outros artigos sobre saúde e bem-estar animal. Lá, você encontra informações sobre glaucoma em cães, alergias caninas, câncer em cães e muito mais. Confira!

Posts RecentesTags