CONHEÇA NOSSO BLOG
07Jan
raças de cães

As raças de cães mais populares no Brasil e principais curiosidades

Compartilhe!

Olá, amigo humano! Aqui é o Bob! Tudo bem?
Hoje, acordei inspirado e pensando em biologia. Você sabia que há 33 mil anos os lobos começaram a ganhar proximidade dos povoados e, ao longo do tempo, por seleção natural, alguns filhotes foram deixando de caçar? Com isso, tornaram-se dependentes dos seres humanos dos povoados. Por seleção artificial, o homem interferiu em cruzamentos para chegar a características que fizessem do animal, um grande servente na pecuária. Isso tudo para dizer que hoje existem centenas de raças de cães e neste artigo falarei das mais populares aqui no Brasil. Espero que goste!

Confira, a seguir, as raças de cães populares no Brasil (fora de ordem)

Poodle

Dentre as raças de cães, o Poodle é uma raça que solta pouco pelo e é o segundo mais inteligente do mundo entre os outros aumigos. Poxa, eu fico até com um pouco de inveja, mas preciso reconhecer! Au au! A espécie pode chegar a 14 anos (média retirada de pesquisas) e costuma ser bem obediente e simpático – de fato, são! Tenho muitos amigos poodles.

Pinscher

Confesso que sempre atravesso a calçada quando vem um deles na minha direção. Tenho medo de levar uma mordida à toa, nada pessoal. Enfim, eles são parecidos com o chihuahua, mas o pelo é mais curto e as cores variam entre caramelo e preto. Apesar de serem nervosos e ótimos para guarda, seus ossos são frágeis. Por favor, não dê abraços fortes!

Bulldog Francês

Chiquérrimo! É uma das raças de cães com muita atividade e energia para correr e brincar. Dizem por aí que não foram aceitos entre os buldogues pelo porte inferior e, então, o homem interferiu realizando novos testes com outros cruzamentos. Também tem o bulldog inglês, que é maior, enquanto o francês tem orelhas pontudas. Há uns anos, ele foi o mais requisitado em Paris!

Pug

Foi o latido de um pug que alertou o príncipe Guilherme de Orange da aproximação do exército espanhol em Pompeu. É uma das raças de cães mais conhecidas no Brasil, mas já foi altamente procurada por imperadores chineses há mais de 2 mil anos. Infelizmente, seu focinho achatado dificulta a respiração e também podem se tornar obesos rapidamente. Entretanto, são bem carinhosos e grudentos com seus papais!

Maltês

Cientistas até hoje debatem sobre a origem dos Maltês. Uns, dizem que foi na Ásia. Outros, na ilha de Malta. Os primeiros registros datam mais de 6 mil anos atrás. Já ouvi entre meus amigos que há muitos anos, marinheiros e outros antigos usam os pelos dos maltês para curar doenças. Bizarro, né? Hoje em dia está tudo bem!

Labrador

Meus pais seeeempre choram com um filme que traz a morte trágica de um labrador. Esse ator é incrível mesmo, até eu me emociono com a cena dele na maca. Eles chegam bem pequenos e logo se transformam em gigantes crianças destruidoras de qualquer decoração. São usados como resgate e cão-guia. No antepassado, a raça que os originou, já extinta, ajudava pescadores na recuperação dos peixes que caíram das redes.

Shih Tzu

Quando eu era filhote, ouvia lendas urbanas que Shih Tzu foi uma das raças de cães que era usada como presente ao, novamente, imperadores chineses e que também eram deuses arteiros reencarnados. Sabia que usavam eles para esquentar os pés? Hoje em dia, é uma raça um pouquinho desobediente, porém muito companheira. Eu sou um Shih Tzu!!!

Lhasa Apso

Eram os mosteiros do Tibete que fizeram surgir essa raça, há 500 anos, para serem seus guardiões. Com o tempo, passou a ser considerada como sagrada e não podia ser vendida de forma alguma. As pessoas ganhavam como presente. Foi nos anos 30 que um casal americano foi presenteado e logo a espécie se espalhou pelo continente.

PitBull

Até 1835, era comum no Reino Unido um evento que promovia a luta entre cães e touros. Então, a população migrou para um combate apenas entre os cães. Insatisfeitos com os buldogues, os criadores começaram a cruzá-los com outras raças mais ágeis, velozes e fortes. Como tempo, foi crescendo a família dos pitbulls. Em geral, meus aumigos são brincalhões e carinhosos.

Infelizmente, por culpa do homem, acabaram se tornando conhecidos como uma raça agressiva. O Rio de Janeiro, inclusive, proíbe a venda deles – o que deveria ocorrer para todos, não? Não somos produtos!

Vira-lata

Eles estão em todos os lugares e representam as raças de cães no Brasil! O homem começou, sim, um processo de seleção artificial, mas antes disso a natureza já fazia seu trabalho. Desde suas raízes, misturaram-se genéticas variadas que resultaram em cães de diferentes cores, tamanhos e habilidades. São resistentes e adaptáveis, dão menos despesas, mas ainda exigem cuidados como qualquer outra raça.

Garanta alimentação natural para eles!

Você já conhece, agora, as raças de cães mais comentadas no Brasil, mas independentemente da sua escolha, todas elas precisam de uma alimentação regrada e saudável. Mediante minha aprovação, o Chef Bob, você encontra comigo um incrível cardápio de alimentação natural para cães.

Além disso, eu amo escrever e já dei várias dicas no Blog do Bob, já viu? Tem artigos sobre higiene básica para cãezinhos, relação entre cachorros e humanos, depressão canina e muito mais. Entre já em contato e conheça meus produtos!

Até a próxima, amigo humano! Au au!

Posts Recentes Tags