CONHEÇA NOSSO BLOG
04Mar
Conheça a importância das vísceras na alimentação natural

O papel das vísceras na alimentação natural dos pets

Compartilhe!

Olá, amigo! Aqui é o Bob. Hoje eu vim falar sobre um alimento que nós, pets, gostamos muito: as vísceras. Também chamadas de miúdos, essas peças são fonte de nutrientes e devem fazer parte da nossa alimentação. Você, papai ou mamãe, ainda tem receio de incluir esse alimento na dieta do seu bichinho? Não tem problema! Neste artigo, eu irei contar mais sobre o papel das vísceras na alimentação natural dos pets. Confira!

O que são vísceras?

As vísceras são órgãos internos do corpo, como fígado, rim, baço, pulmão, etc. Elas são subdivididas em dois grupos: vísceras musculares (textura e aparência de carne) e vísceras secretoras (mais brilhantes e gosmentas).

Vísceras musculares

As vísceras musculares se resumem à língua, coração, moela e estômago. Elas são ótimas fontes de proteína e de gordura, porém apresentam certa deficiência de minerais e vitaminas. Por isso, indicamos que sejam usadas como complemento à porção diária de carnes desossadas e outras proteínas.

Vísceras secretoras

As vísceras secretoras são fígado, baço, pulmão, rim, cérebro (miolo), testículo, pâncreas, etc. Elas são excessivamente ricas em nutrientes e vitaminas, tanto que podem causar diarreia em cães e gatos caso sejam oferecidas em demasia. Sendo assim, a quantidade ideal é inferior a 10%.

As vísceras na alimentação natural agregam uma série de benefícios à saúde dos pets. Elas fornecem grande quantidade de nutrientes. Por exemplo: ácido fólico, zinco, cobre, magnésio, sódio, potássio, ferro, fósforo, vitaminas A, D, C, E, K e complexo B.

Como incluir as vísceras na alimentação natural?

Os médicos veterinários recomendam que as vísceras representem 10% do total de alimentos na dieta dos pets. Essa quantidade é suficiente para corrigir deficiências nutricionais e fornecer todos os elementos necessários para o correto funcionamento do organismo do seu bichinho.

A inclusão de vísceras na alimentação natural deve ser feita de forma moderada. O ideal é misturar as vísceras musculares e secretoras, de acordo com a orientação do médico veterinário.

Como preparar

As vísceras não devem ser muito cozidas. Nesse ponto, elas são mais difíceis de digerir e ainda perdem seus principais nutrientes. O ideal é cozinhá-las ao ponto, com o miolo rosado, ou mal passadas. A Equipe do Chef Bob recomenda que elas sejam cozidas no vapor, assadas ou grelhadas.

Na hora de servir

As vísceras devem ser cozidas separadas das carnes. Depois de estarem prontas, você pode misturá-las com as carnes e outros alimentos. Isso ajudará o seu animalzinho a comer toda a refeição, não somente as carnes.

Introduza as vísceras na alimentação natural do seu pet!

Gostou de conhecer os benefícios das vísceras para a saúde do seu bichinho? Introduza esses alimentos super nutritivos na alimentação deles! A equipe do Chef Bob pode criar um cardápio especial com vísceras para o seu pet. Geralmente, utilizamos fígado bovino e de frango em nossas receitas. Elas são um sucesso entre meus aumigos!

Entre em contato conosco e peça já as comidinhas do seu melhor amigo! Caso prefira, fale conosco através do nosso WhatsApp.

Gostou deste artigo? No Blog do Bob você encontra mais conteúdos sobre alimentação natural para pets. Confira:

Até a próxima!
Muitos lambeijos.

Posts RecentesTags